quinta-feira, 1 de junho de 2017

Parque Fonte do Mato

Fonte do Mato, maio 2017.
Fonte do Mato, maio 2017.
Fonte do Mato, maio 2017.
Fonte do Mato, maio 2017.
Fonte do Mato, maio 2017.
A Fonte do Mato foi uma das primeiras fontes a abastecer de água potável a cidade. Ela é tão antiga quanto a “Clareira”. Os índios charruas do aldeamento indígena dominavam-na em sua língua de: Y-CAA-ÇA-PAABA”, que significava “ÁGUA DA CLAREIRA DA MATA”.

Em 1850, a comunidade dependia a quantia de cento e cinquenta mil réis para executar melhorias na fonte vulgarmente chamada do “Matto”, manacial da melhor água potável existente no lugar.

Sua água continua jorrando e reza uma lenda que, se uma pessoa BEBÊ-LA, aparando a água com as mãos em forma de concha (como quem ora), jamais sairá de Caçapava ou, se sair, voltará.


Com o aproveitamento da área verde do entorno da Fonte do Mato, com inauguração prevista em 2017, cria-se o “Parque da Fonte do Mato”, um importante ponto de recreação da comunidade caçapavana.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.
Parque Fonte do Mato, maio 2017.

Nenhum comentário:

Postar um comentário